terça-feira


"Sua vida é determinada
não tanto pelo o que a vida traz para você
mas pela atitude que você traz para a vida;
não tanto pelo que acontece com você
mas pela forma como sua mente olha o que acontece. "
- Khalil Gibran
  

quinta-feira

AUTOESTIMA. Algumas considerações...



A maioria dos nossos problemas decorre de uma baixa  autoestima.
As reações que demonstramos nos acontecimentos diários são fruto do que pensamos  a nosso respeito.
Em algumas ocasiões podemos ser omissos ou submissos com medo de julgamentos, ou para tentar agradar ou sermos  aceitos. Noutras, a reação agressiva, explosiva, cínica ou indiferente nada mais é do que uma defesa para reafirmar aquilo no qual não acreditamos: nosso próprio valor.
Há dias em que acordamos, nos olhamos no espelho e nos achamos péssimos, mas ao sair à rua, várias pessoas elogiam nossa aparência, nos olham com admiração e começamos a duvidar de nosso julgamento inicial: “É... até que não estou tão ruim quanto pensava.”
Conheço mulheres e homens que não são bonitos, nem tem o corpo ideal, mas onde chegam causam admiração e olhares de aprovação, porque exalam autoconfiança.
A autoestima depende, de uma certa maneira, do outro, do como somos vistos, dos julgamentos que fazem ou fizeram a nosso respeito, das nossas experiências de vida. Mas o fundamental é acreditarmos em nosso valor, naquilo que sabemos ter de especial.

Anna Freud conseguiu traduzir  exatamente este conceito ao dizer:
“Eu estava sempre olhando para fora de mim mesma, procurando a força, a confiança, mas descobri que ela vem de dentro. E está  lá o tempo todo. “

segunda-feira

CHEGAR EM MULHERES

Extraído do blog http://saitimidez.blogspot.com/



Este é um post de exatamente um ano atrás, que estou traduzindo do blog do Brian, um dos instrutores que trabalham com Vin DiCarlo. Basicamente eles ensinam rapazes a arte da sedução, só que de uma forma bastante mais natural que muitas outras escolas de sedução. Enfim, mesmo que você não acredite nesse negócio de aprender a pegar mulher, acho que o texto ainda é válido. Enjoy:

Eu escrevi o seguinte e-mail para um cara que estava tendo dificuldade em chegar nas mulheres com quem ele queria conversar:

Outra noite, eu contei para uma mulher que eu estava um pouco nervoso quando eu me aproximei dela. Ela disse que não tinha percebido. Ela me perguntou porque eu ainda falei com ela mesmo sentindo medo. Eu pensei e respondi, "Eu já me acovardei demais no passado. Quando você a vê, você precisa fazer algo."

Recentemente isto é uma escolha, nada mais. A única dica que posso te dar é esta. Pare de pensar e faça.
Aqui está um truque: dê um passo para frente, esvazie sua mente , e sorria levemente - sem mostrar os dentes, apenas faça com que sua cara pareça calma e um pouco feliz. Depois de alguns minutos, você vai notar seu humor mudando.
Além disso, NÃO é uma questão de mudar seus pensamentos ou consertar a si mesmo antes de se aproximar. É uma questão de escolha.


Todos os seus pensamentos, memórias e percepções são completamente irrelevantes. Tudo que importa é: você vai fazer ou não? É uma simples escolha de sim ou não.
Definição de coragem
Coragem não é saber que você vai fazer algo bem. É saber que você pode falhar, e MESMO ASSIM FAZER. Como uma fala no filme "Três Reis". Três soldados americanos estão para entrar em combate com os iraquianos. Um deles está assustado e diz que queria ser corajoso. Archie, o capitão (interpretado por George Clooney) diz,
"É assim que funciona. Primeiro você faz a coisa que te dá medo. Depois é que vem a coragem."
Faça sua escolha e seja corajoso (faça mesmo que você tenha medo de falhar). Você é um homem. Homens com menos valor que você já correram na direção de lanças, flechas e balas dos exércitos inimigos. No Dia D, os navios descarregando as tropas americanas estavam cheias de merda e mijo do cagaço dos homens assustados. Mesmo assim eles atacaram a praia e o resto é história. Confie em mim, você pode fazer isso.
Seja rejeitado
Isto é uma ordem. Você precisa levar foras para melhorar. Não existe outra forma. Rejeição é sua dama. Ame-a como um anjo feio. Beije sua face venenosa e destrua seu corpo de fogo.
Então ria sobre isto. Veja o humor em tudo isto - como você está levando isto tão a sério, como mulheres jogam esses joguinhos de acasalamento, e solte suas emoções rindo. É fisiologia simples - rir faz a dor ir embora.
Deixe seus amigos te zuarem. Você é um homem melhor porque você tentou, enquanto eles se acovardaram e assistiram no canto.
Você vai conseguir - você tem tudo que é preciso. Assim que você superar esse medo de chegar, o resto vai ser sopa. Quanto mais cedo você dar um jeito nisto, mais cedo você vai encontrar Ela.
Talvez você simplesmente não queira encontrar Ela. Você tem certeza que quer uma mulher boa e bonita ao seu lado? O quanto você quer?
Se você realmente quer isto, a única questão é:
Você vai dar um jeitod e fazer isto?
É um simples sim ou não.

terça-feira

LIVRO: MARKETING PESSOAL 100 DICAS PARA VALORIZAR A SUA IMAGEM


"Este livro traz dicas para estudantes, profissionais liberais e empresários,sobre como trabalhar a própria imagem e conseqüentemente, sua marca, contribuindo para a valorização pessoal e profissional. 
Baseado em suas experiências como consultor de marketing, Sady Bordin oferece neste livro, em 10 capítulos, uma série de conselhos que devem ser utilizados conforme a necessidade e a possibilidade de cada pessoa."

quinta-feira

O MITO DA FELICIDADE

A reportagem da Revista Época sobre o Mito da Felicidade, vale a pena ser lida.
Lá você vai encontrar vários relatos, estudos e pesquisa sobre o que é e como alcançar  a tal felicidade.
Veja Os Cinco Caminhos Para o Bem Estar (Dicas da New Economics Foundation para conquistar uma vida melhor):


quarta-feira

ELES SÃO FECHADOS





Tímidos ou não, existem algumas pessoas que têm muita dificuldade em expressar seus sentimentos. “Dificuldade não... É impossível”, conclui o estudante Marcos*, de 18 anos, que nunca conseguiu se declarar a ninguém.



Marcos é extrovertido, porém muito inseguro. “Na boa, eu me acho feio. Acho que ninguém nunca vai gostar de mim”, contou. O estudante, que atualmente se diz apaixonado por uma colega de trabalho, não tem coragem nem de dar a entender que está interessado. 


Segundo a psicóloga Marina Vasconcellos, vários são os motivos que levam uma pessoa a se fechar dessa maneira:


*conflito de aproximação/esquiva: quando a pessoa tem medo de se aproximar e ser rejeitada, então nem tenta um contato;


*falta de confiança em si: ligada à falta de auto-estima, a pessoa se acha "menos" do que realmente é, inclusive fisicamente;


*comparações: a pessoa pode se comparar a outras que também tenham interesse no mesmo pretendente, achando que não dá conta da competição, ou mesmo se comparar com o próprio pretendente, achando que ele é "muita areia pro seu caminhãozinho", portanto não vai se interessar por ela;


*crenças derrotistas: quando se acredita que ninguém vai se interessar, uma vez que já houve uma rejeição. A pessoa se dá por vencida antes de tentar. 


E, nesses casos, o velho ditado “quem não arrisca não petisca” é levado ao pé da letra. “Quando o sentimento não é exposto, certamente a pessoa pode perder grandes oportunidades. Se o outro se declara e (mesmo querendo retribuir) a pessoa não consegue se expor, corre o risco de afastá-lo, caso ele não seja persistente”, declarou a psicóloga. 


Esse foi o caso de Carlos*, 24 anos. A falta de coragem de expor seus sentimentos quase o privou de viver os melhores momentos de sua vida. “Além de não querer me declarar pra ela, eu não queria acreditar que ela estava interessada em mim. Eu me convencia sempre que tudo não passava de brincadeira e nunca demonstrava reciprocidade. Se ela não tivesse me encostado na parede, não estaria vivendo um grande amor”, contou. 


“Não temos bola de cristal, portanto nossas intenções devem ser minimamente expostas para que tenhamos retorno do outro”, aconselhou a especialista.


Se você é do tipo que não consegue se declarar, fique atento às dicas da psicóloga Marina Vasconcellos:


- Faça as pazes com você mesmo. Pessoas com boa auto-estima conseguem agir mais naturalmente quando deparadas com esse tipo de situação.


- Sorria! Um rosto sorridente, por menor e mais tímido que seja o sorriso, denuncia receptividade ao contato.


- Olhe nos olhos! O olhar é fundamental para demonstrar atenção, afeto, interesse... Quem não olha nos olhos de seu interlocutor pode dar a impressão de desinteresse ou desconfiança.


- Mantenha contato visual com as pessoas, não fique parado numa festa ou em qualquer outro lugar olhando para o chão. Mostre que está disponível para um contato.
- Compartilhe algo sobre seu trabalho, algo que faça, e mostre interesse pelo que o outro faz.


- Fale sobre momentos de lazer ou seu passatempo preferido, o que dará abertura para que o outro o conheça de um jeito bem informal.
- Fale sobre algum temor que tenha, pois todos temos medo de algo. Essa é uma forma de se abrir para o outro mostrando uma fragilidade sua, o que vai trazê-lo para mais perto. 


- Expresse sua preferência. Aqueles que nunca decidem nada quando perguntados sobre alguma escolha, em vez de agradar e achar que estão sendo gentis, estão dificultando o acesso do outro ao seu conhecimento, aos seus gostos. Mostrar preferências é uma forma de se apresentar para o outro. 


- Diga ao outro algo lhe chamou a atenção na pessoa: "Puxa, achei tão legal quando você falou sobre aquilo, posso imaginar como você se sentiu"...


- Repense seu conceito de "rejeição": se não foi feliz em tentativas anteriores, encare essas vivências como aprendizados e tente modificar seu comportamento numa próxima abordagem.


- Saia com outras pessoas junto, para que não fique aquela situação constrangedora de não saber o que falar e passar por silêncios "infinitos". A presença de outras pessoas dilui a tensão do encontro, permitindo que conversem sobre vários assuntos e que um vá conhecendo o outro de maneira mais informal. Aos poucos, caso o sentimento seja mútuo, naturalmente vocês estarão mais juntos...


- Mostre seu interesse por meio de delicadezas e atenções sociais, como por exemplo, buscar uma bebida numa festa e lhe oferecer. 


- Convide a pessoa por quem você está interessado a participar de algo que você participe. Por ex: "Já que você gosta de andar de bicicleta, conheço um pessoal que faz passeios aos finais de semana. Você gostaria de vir um dia?".


Enfim, são inúmeros os comportamentos que podem ajudar uma pessoa a se aproximar da outra, para aos poucos ir se sentindo mais à vontade para se declarar. Não é só ir chegando e falando, há todo um processo para se alcançar esse estágio. 


Muitas vezes, a declaração acaba acontecendo indiretamente, com comportamentos que denunciam!

Marina Vasconcellos é Psicóloga pela PUC–SP, com especialização em Psicodrama Terapêutico pelo Instituto Sedes Sapientiae, Psicodramatista Didata pela Federação Brasileira de Psicodrama (FEBRAP) e Terapeuta Familiar e de Casal pela UNIFESP.
*Os nomes dos personagens foram trocados para preservar sua identidade.



Fonte: http://jovem.ig.com.br/

SUGESTÃO DE LIVRO





A autora Wendy Gelberg mostra como tomar controle das mais
desconfortáveis situações e  conquistar o sucesso. 




Um livro que ensina pessoas tímidas e introvertidas a usar os pontos fortes 

de sua personalidade e assim alavancar a sua carreira profissional.

sábado

BATE PAPO

Pessoal,


Alguns de vocês fazem comentários, perguntam, sugerem e muitas vezes não acho adequado responder as perguntas em aberto, para todos.
Então, se quiserem conversar sobre algo, esclarecer alguma dúvida, algo que não queiram compartilhar com outras pessoas, mande um email para zmgrillo@yahoo.com.br que respondo direto para vc.

Participe também do nosso grupo do facebook :

O PAPEL DA MÃE NA TIMIDEZ DO FILHO

sexta-feira

RIR DE SI MESMO

Uma das coisas que os tímidos precisam aprender é rir de si mesmos, não levar a vida tão a sério.

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...