terça-feira


"Sua vida é determinada
não tanto pelo o que a vida traz para você
mas pela atitude que você traz para a vida;
não tanto pelo que acontece com você
mas pela forma como sua mente olha o que acontece. "
- Khalil Gibran
  

quinta-feira

AUTOESTIMA. Algumas considerações...



A maioria dos nossos problemas decorre de uma baixa  autoestima.
As reações que demonstramos nos acontecimentos diários são fruto do que pensamos  a nosso respeito.
Em algumas ocasiões podemos ser omissos ou submissos com medo de julgamentos, ou para tentar agradar ou sermos  aceitos. Noutras, a reação agressiva, explosiva, cínica ou indiferente nada mais é do que uma defesa para reafirmar aquilo no qual não acreditamos: nosso próprio valor.
Há dias em que acordamos, nos olhamos no espelho e nos achamos péssimos, mas ao sair à rua, várias pessoas elogiam nossa aparência, nos olham com admiração e começamos a duvidar de nosso julgamento inicial: “É... até que não estou tão ruim quanto pensava.”
Conheço mulheres e homens que não são bonitos, nem tem o corpo ideal, mas onde chegam causam admiração e olhares de aprovação, porque exalam autoconfiança.
A autoestima depende, de uma certa maneira, do outro, do como somos vistos, dos julgamentos que fazem ou fizeram a nosso respeito, das nossas experiências de vida. Mas o fundamental é acreditarmos em nosso valor, naquilo que sabemos ter de especial.

Anna Freud conseguiu traduzir  exatamente este conceito ao dizer:
“Eu estava sempre olhando para fora de mim mesma, procurando a força, a confiança, mas descobri que ela vem de dentro. E está  lá o tempo todo. “

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...